Vendedor

ANCSUB

Informações de contacto
934397195
Endereço de envio

Os valores rurais como é o caso do porco bísaro, fazem parte do património biológico, económico e cultural de Portugal. Há séculos associado ao mundo rural de algumas regiões do país, esteve espalhado por toda a zona a norte do rio Tejo e foi perpetuado até aos dias de hoje. Fatores como a docilidade, a capacidade de adaptação ao maneio tradicional, a prolificidade e a excelente qualidade da carne, contribuíram para a sua manutenção.

A evolução das técnicas de produção animal, em toda a Europa, a alteração dos hábitos alimentares dos consumidores, exigindo uma carne de porco mais magra e com menos gordura, os cruzamentos com raças precoces, a Peste Suína, entre outros fatores contribuiu para a situação de quase extinção. Dentro deste contexto, no ano de 1994, foi criada a Associação Nacional de Criadores de Suínos de Raça Bísara (ANCSUB) resultante dos esforços conjuntos dos Serviços Oficias da Agricultura, Universidade de Trás-os-Montes e Alto Douro (UTAD), Câmara Municipal de Vinhais e alguns criadores da raça. 

A ANCSUB através do Projeto SIAC - Apoio ao Empreendedorismo do Setor Agroalimentar em Terras de Trás-os-Montes, cofinanciado pelo Norte2020, desenvolveu e promoveu a “Promoção do Espírito Empresarial” nos territórios de baixa densidade da região de Trás-os-Montes, nomeadamente nas zonas geográficas cuja influência económica do concelho de Vinhais é significativa. Esta influência económica é devida em grande parte ao setor agroalimentar, onde o FUMEIRO de Vinhais e o MEL, se têm vindo a afirmar como as principais forças geradoras de desenvolvimento económico neste território, que possui ainda um potencial elevado noutros produtos agroalimentares complementares.

Ainda não existem avaliações a este produto, seja o primeiro!